terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Expressamente proibido para menores de 21 anos

Só para os leitores tarados do XAROPE
CONTO GAY: Só pra relaxar
Sou louco pelo meu melhor amigo!
Xarope sou de Santarém, só que a mais de 15 anos vivo em Manaus, aonde moro sozinho. E sou seu fã, principalmente porque posso saber tudo que está acontecendo não só em Santarém, como em Itaituba e Monte Alegre no qual tenho meus familiares. 
Acho interressante quando você pública contos eróticos, principalmente porque acho que a midia não gosta de divulgar este tipo de histórias.
Bom, na verdade iniciei em meu novo emprego a cerca de 2 meses, diga de passagem a pessoa que eu substitui eram um tremendo de um desordeiro, deixou uma porrada de bagunça. Eu sou uma pessoa até meio chata por organização, então todos os dias ficava um pouco mais de meu expediente para tentar organizar. Até que um dia quando estava tentando organizar, apareceu na porta de minha sala um rapaz de cabelo encaracolados, magro, de óculos, de camisa e gravata muito alinhado e atraente mesmo, dizendo que também era contratado recentemente cerca de 3 meses que também estava meio sem ambiente ainda e se caso eu precisasse de alguma ajuda poderia contar com ele. A voz do rapaz era de locutor de radio não era um rapaz muito bonito, mas o conjunto como um todo era do tipo de cara que eu curtia. 
Apesar de eu ser muito discreto curto, ser totalmente macho no jeito de ser sinto atração sexual por homem um outro macho às vezes. Naquele momento em que vi aquele cara, acredito ter ficado vermelho, senti minha cara pegar fogo, minha rola começou a movimentar dentro da cueca. Aqueles breves minutos foram suficientes para meus pensamentos viajarem e deixar minha rola como rocha. Levantei-me de minha cadeira, estendi minha mão e nos apresentamos eu Daniel e ele Marcelo área financeira. Agradeci sua gentileza falei que não era necessário, pois precisava verificar toda a documentação de meu novo departamento e me interar da situação do tudo ali. Passado uma hora, ele voltou. Começamos a conversar, ele me contou que iniciou na empresa recentemente e que estava sentindo-se muito sozinho, pois achava que o pessoal mais antigo na empresa não aceitava bem novas contratações (empresa familiar é foda). Esse foi o inicio de uma nova amizade. E assim passaram-se 4 semanas e normalmente nos almoçávamos junto e após expediente quando ficávamos a mais na empresa. Em uma noite quente ele apareceu em minha sala, por volta das 18h30min como estava meio cansado eu o convidei para irmos a qualquer lugar próximo para tomarmos uma cerveja, pois gostaria de saber como andava sua integração na empresa. Minha intenção realmente era essa, pois como trabalho em Recursos Humanos, seria de grande valia para meu desempenho na empresa nova. (apesar do tesão que estava sentido). Ele aceitou disse-me que fecharia sua mesa e estava saindo. Eu falei que passaria no banheiro e sairia em seguida. Estava no banheiro tentando dar uma mijada, mas devido ao tesão que estava sentido e minha rola estar dura não conseguia urinar, nisso ele entrou dizendo que também daria uma aliviada antes de partirmos. Com mais três lugares vazio para ele escolher ele veio bem ao meu lado. Fiquei um pouco constrangido ainda mais que notei que discretamente ele olhou pra minha rola. Dei uma sacudida tradicional e recolhi para dentro de minha cueca e saindo para lavar as mãos rapidamente. Saímos fomos para nossa cervejinha e batemos um bom papo, e durante nossa conversa varias vezes seu olhar era para bem dentro de meus olhos, antes de irmos embora para nossas casas passamos no banheiro, e outra vez ele veio bem ao meu lado para urinar, só que dessa vez o coxo não tinha divisórias (era coletivo mesmo) e seu olhar para minha rola não foi muito discreto. Esse dia foi somente isso o que aconteceu. Cheguei em casa fui direto para o banho e lá me masturbei muito, pensando nele. Aquele cara tinha algo que me tirava do sério, no banho, sua imagem vinha em minha mente me pegando por trás, ao mesmo tempo em que beijava minha nunca ia tirando toda minha roupa, me acariciando, passando a mão em todo meu corpo, na minha bunda, pegando o sabão e me dando banho, me abaixando e empurrando minha boca até o seu pau, depois me virando contra a parede me comendo bem gostoso, com a água do chuveiro batendo em nossos corpos. Gozei muito gostoso. Vale disser que nas poucas relações com outros caras eu não tenho distinção entre ativo de passivo. Entre 4 paredes temos que ser felizes. E assim foi nossa amizade crescendo e passamos a sair juntos, fazer caminhadas, assistir um futebol, sair a noite e até dormir na minha casa algumas noites. Eu dormi na dele. Ficamos amigos. E o tesão por ele sempre recolhido, não dava bandeira, me segurava pois ele falava muito em mulheres e quando saiamos a noite, sempre rolava uma trepada com algumas mulheres para ambas as partes. Tentei tocar no assunto algumas vezes pra ver o que ele falava e não dava certo. Comecei a imaginar que aquelas primeiras olhadas para minha rola no banheiro tinha sido ilusão da minha cabeça e ele parece que não curtia mesmo. Eu tava quase ficando louco de tanto tesão. Uma noite ele dormiu lá em casa, ficou no sofá, só de cueca branca. Acordei de manhã e vi aquela cena. Ele virado de bunda pra cima, só de cueca. Tava uma delícia. Que vontade que eu tive de apalpar aquela bunda deliciosa. Mas tinha que me controlar. Ah se ele curtisse, ia ser perfeito notei que ele “dormindo” mexia a bundinha varias vezes, pensei outra fantasia minha ele não esta mexendo a bunda. Eu já não estava agüentando mais de tanto tesão. Essa situação me deixava doido. Bato uma praticamente todos os dias pensando nele. Ele estava me despertando uma tesão bem gostoso por ele. Eu o despertei falando que iria tomar banho e que ele fosse despertando, pois como era domingo tinha combinado que iríamos dar umas voltas. E fui para o banheiro deixando a porta entre aberta. Estava no box pensando na cena que tinha acabado de ver com a rola semi dura ele entra no banheiro, para dar uma mijada e fala: (Marcelo) – Pô Daniel, mas parece mentira, toda vez que vejo sua rola ela estava sempre a ponto de bala. O que é isso meu amigo? (pensei comigo, é agora ou nunca) (Eu) - Que é isso cara. É o tesão pela manhã.hahahahahahaha. E por você. Eu to achando que você gostou do meu pau? (Marcelo) - Só estava admirando, isso é rola para ninguém botar defeito você deve ter feito muito estragado na menina de ontem. hahahahaha (Eu) – Como diz o ditado. “Devagar e com jeito não tem buraco estreito”. E se você quiser vir conferir pode chegar aqui. Quando disse isso; Marcelo desceu sua cueca e veio para dentro do box, fiquei meio sem ação e o cara pegou na minha mão que estava com xampu e tremia nervosa e levou para sua rola flácida. Confesso, gostei, fiquei apertando um pouco, a cobra deu sinais de cresceu. Ele me olhou com aquele olhar safado e começou a me beijar. E logo em seguida falou: (Marcelo) – A muito tempo espero por isso, não estava agüentando mais. Se você quiser paramos por aqui?. Eu respondi com um outro beijo e o punhetando falei: (Eu) – Parar é coisa que não quero, vamos aproveitar o momento, quero que você faça comigo tudo que irei fazer com você também. Ele abaixou e começou a sungar minha rola, olhou para meus olhos e falou:- (Marcelo) - Acha que meu cú agüenta sua rola? (Eu) - Com paciência e KY! (Marcelo) - Então ta certo, você falou que fará tudo o que eu fizer. Não é mesmo. Então chupa cara. (Eu) – Vamos para minha cama. Já na cama ele deitou de barriga para cima e falou para eu chupar. A medida que engolia sua rola (branquinha, uns 16 ou 17 cm, não muito grossa, mas retinha, uma cabeça rosada e macia) e cresceu na minha boca e seu dono a gemer baixinho. Enquanto chupava, eu beliscava um mamilo do cara. Ele alisava meus cabelos. (Marcelo) - Chupa ai, chupa, que gostoso. Com o calor da minha boca e a sofreguidão com que eu chupava a pica logo ficou estirada em todo seu esplendor. Aquele cheiro de saco suado só aumentava meu tesão. Continuei chupando enquanto com discrição vasculhava o cú dele com um dedo. No começo ele resistiu, depois relaxou e deixou que eu metesse meu dedo comprido no seu reto quentinho. Gemia o safado. Então mandou parar a chupada e anunciou: (Marcelo) - Eu quero te comer cara. (Eu) – Daqui a pouco. E coloquei ele de quatro puxei sua rola para traz e mamava como nunca tinha mamado alguém, fui para suas bolas, e comecei a abrir seu cuzinho com as duas mãos de modo que meus polegares ficavam bem ao lado de seu buraquinho rosado, dei uma boas linguadas, depois passei bastante KY , cheguei a colocar a ponta do tubo dentro de seu cuzinho e espremi bastante, e comecei a introduzir um polegar de cada vez deixando receptivo para minha rola, comecei a esfregar a cabeça de minha rola em seu buraquinho, colocava a ponta internamente, e ele gemia, quando peguei uma camisinha ele falou: (Marcelo) - Acho missão impossível. Não sei se vou agüentar. (Eu) - A gente tira a dúvida agora, empina essa bunda e abre esse cú e faça força, que irei bem devagar. Ele de quatro bem arreganhado, com seu cuzinho piscante. Fui super carinhoso, sem qualquer violência fui só empurrando meu pinto para dentro de suas entranhas e alisando sua bunda. Ele se contorcia e mordia o lençol, perguntei se queria que parasse ele respondeu: (Marcelo) – Ta doendo para caralho, você esta me rasgando ao meio, mas não para NÃAAAAAAAAO, detona meu cú, agora, que depois é o seu que vai seu detonado (Eu) - Faz tempo que tenho vontade de detonar um cu, mas um cu de homem cabeludo igual a seu. (Marcelo) - Vai então caralho antes que eu desista. Fiz pressão e ele facilitava vinha ao encontro da geba, eu abria seu c... Entrou um quarto da p.., deixei ele se costumar. Coloquei todo meu peso em suas costas obrigando ele a deitar-se, com muitas pernas abri as dele e comecei o vai e vem alucinado perdi todo o meu controle quando inicei a g... ele levantou um pouco sua bunda que gozei abundantemente. Quis deixar minha rola amolecer dentro dele mas ele muito ansioso quis me penetrar. Pedi que esperasse um pouco pois estava meio mole, depois de uns 20 minutos. Ele pediu para ficar de 4, sua rola esta meia bomba ele começou a pincelar em meu rego ate ficar dura por completo, ele colocou uma quantidade generosa de KY e iniciou sua penetração. Era uma penetrações diferente esta dava para sentir bem a invasão, pois pressionava meu esfíncter ao máximo, eu gemia feliz e ele continuava empurrando, facilitava o maximo que podia, mas por ele ser mais baixo que eu meu cu ficava alto para ele. Dobrei um pouco as pernas consegui a altura perfeita ele prosseguiu a invasão meteu forte e tudo. Apesar de sua rola não ser muito grossa eu sentia uma pressão muito grande no meu cu, chegava a doer minhas costas, parecia que estava me partindo. Ele começou a bombar. (Marcelo) - Ai que cu apertado gostoso. (Eu) - Que p... gostosa! Me aperta mais. Ai ai ai O cara me fodeu um bom tempo, metia com com certa violência e um cuidado para não machucar, suspirava, dizia que era gostoso. Eu sentia gostoso também. A essas altura minha rola estava como estaca comecei a me punhetar e gozei outra vez. Ao sentir meu cu latejar ele atolou fundo e gritou bem forte. Eu tive medo que alguém escutasse. Segurou a pica dentro de mim bem profunda e a manteve até meu cu expelir espontaneamente. Xarope foi uma f.. muito gostosa mais tivemos outras também muito prazerosas, mas a primeira é a primeira. nome : Daniel e-mail : danalmeida@hotmail.com

35 comentários:

  1. KERO TI FUDE ASIM XAROPE

    ResponderExcluir
  2. e xarope vc ta comesando a ser entregar!!

    ResponderExcluir
  3. xarope, tenho maior tesaum por vc, keria q vc me pegasse como nesse conto...

    ResponderExcluir
  4. rapaz que historia rsrsrsrss

    ResponderExcluir
  5. goste do conto eu comecei a da o cu eu era guri eu da vô pro meu amigos deus de pequeno eles vivi o com vidando pra brica eu era o mas no vô dele ele me com vida vô só pra me come eu adora vô me cu coando via ele já começava a pisca

    ResponderExcluir
  6. Sou Negro ativo 32 anos cara e corpo de moleque sou magro corpo bem definido sou baixo 1.67 sou de São Paulo capital não curto virtual meu email p5p5p6@ig.com.br meu Skype ppaauulloo pahiva tenho 20 cm de rola

    ResponderExcluir
  7. sou coroa e quero dar meu cuzino faz tempo que não dou , vc quer:? moro em porto alegre e se for carinhoso deixo gosar na minha boca

    ResponderExcluir
  8. Respostas
    1. Me manda teu contato.
      Sou de Porto Alegre.
      meu e-mail:
      gozocomvoce@outlook.com

      Excluir
  9. Sou de Sirinhaém Pernambuco e gostaria que você xarope comesse ó meu cuzinho.

    ResponderExcluir
  10. Sou de Belo Horizonte e se tiver algum ativo aqui que queira que sua pica seja carinhosamente chupada e enfiada no meu cu piscando de tesão meu email é psojpassivobh@gmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou de Porto Alegre.
      gozocomvoce@outlook.com

      Excluir
  11. gosto de um cu bem apertadinho e de um passivo que saiba engolir bem meu pau 18cm de pica alguém ai quer?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ola me chamo rafael e to loko de tesão por um pal topo td boquete com gozada na boca e pika no meu rabinho com gozada la dentro

      Excluir
    2. ola me chamo rafael e to loko de tesão por um pal topo td boquete com gozada na boca e pika no meu rabinho com gozada la dentro

      Excluir
  12. Sou de Rondônia. Tenho apenas 15 anos, sou 100% masculino e discreto, será que alguém que more por aqui e que seja totalmente discreto, esteja afim ?. Ou em qualquer outro estado eu posso viajar, se alguém estiver interessado manda msg no whats 69 9985-0343

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. https://mobile.facebook.com/railson.sousa.1829405?_e_pi_=7%2CPAGE_ID10%2C3066200196


      Me procura aí nesse face..

      Excluir
  13. Gente sempre fui gay assumido mas ainda virgem tenho 14 anos e essa semana meu primo q é casado m fudeu sem eu saber oq fzr estou apaixonado na pika dele agr n sei oq faço ele n m quer mais. Alguém quer m ajudar a esquecer o Rodrigo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom deixa seu email aqui que nos comversa !

      Excluir
    2. 92 993468413 comu cu

      Excluir
  14. eu adorei eu não lembro coando dei a primera vez eu fui criado no pau do meu irmão eu lembro a primera vez que ele gozo o meu cuzinho mais coando ele começou a goza já fazia muito tempo que ele metia o pau no meu cuzinho ele era mais de 3 anos mais velho que nos adorava brinca eu adorava ter um pau na minha bundinha nem sabia o que era sexo mais gostava ta quilo

    ResponderExcluir
  15. gente quero arrumar um macho gostoso, coroa pra fuder meu cuzinho, tenho local
    email. gayfemea198kj@bol.com.br

    ResponderExcluir
  16. qr dar meu rabo topo tudo51.985086180

    ResponderExcluir
  17. Sou louco por um cuzinho apertado. Meu email.
    La passo meu Bmxk100@Hotmail. Com la passo meu zap

    ResponderExcluir
  18. sou coroa mas adoro uma rola no meu cu.tenho lugar discreto, até para dormir fazendo sexo quantas vezes for póssivel,adoro dar o meu cu.quem se candidatar é só ligar para o n.11.26416144

    ResponderExcluir
  19. Dei meu cuzinho tinha 13 anos de idade hoje com 54 ainda tenho saudades, lembro me sempre da pessoa como se fosse hoje depois disto nunca mais tive contato com homem. Tenho meu pinto pequeno 12cm gostaria de voltar ao passado com um do pinto pequeno também, mas se não for nen precisa chamar.

    ResponderExcluir
  20. Eu me chamo Luiz tenho 42 anos sou so ativo tenho 1,86 de altura sou moreno claro tenho um pinto de 20 centímetros de tamanho por 6 centímetros de grossura!!!
    Eu cobro 100 reais por 2 horas de muita rola no teu cu e voce paga o hotel porque eu não tenho local ok.
    Adoro foder um novinho bem branquinho lisinho afeminadinho igual uma menina de preferência virgem ta!!!
    Quero te foder muito todos os dias tá posso ir morar com você na tua casa. . .
    O meu whats é o 11-99288-3212 aguardo o seu contato para nos conhecemos melhor!!!

    ResponderExcluir
  21. Lembro me da primeira vez que dei meu cuzinho tinha 13 anos de idade foi com um amigo da mesma idade, na época não sabíamos de nada nem como fazer umas posições sexuais. Fui eu o primeiro a comer seu cuzinho depois dei o meu para ele. Hoje tenho 54 anos de idade e gostaria de ter uma experiência novamente mas com um que tenha o pinto pequeno.

    ResponderExcluir
  22. Dei meu cuzinho tinha 14 anos meu amigo tinha 13 anos nesta idade vivíamos batendo uma punheta e medindo quem tinha o pinto maior. Certa vez ele disse que era para eu dar meu rabinho para ele eu disse que dava mas ele tinha que dar primeiro ele concordou e fomos para uma lavoura de milho próximo de nossa �� casa assim fizemos nosso troca troca pela primeira vez. Nao tinha experiência nenhuma com sexo mas fizemos troca troca por vários anos seguidos. Já com nossos 17 anos de idade ele já não queria mais fazer sexo mas eu ainda gostava de dar para ele aquele pinto pequeno já tinha tomado forma de grande e grosso ele me colocava de quatro e penetrava gostoso. Hoje com 54 anos tenho saudades daqueles tempos nunca mais dei meu rabinho, mas tenho vontade de fuder novamente com ele.

    ResponderExcluir
  23. Tenho 54 anos pinto pequeno 12cm duro quero conhecer pessoas com pinto pequeno também, só serve se for pequeno mesmo

    ResponderExcluir
  24. Quando tinha 13 anos dei para um amigo que na época tinha a mesma idade que eu, fizemos troca troca por vários anos agora hoje com 54 anos não consigo parar de pensar, sempre que vejo um garoto jovem olha no meio da sua perna e fico imaginando como poderia ser ele pelado. Tenho um pinto de 12cm gostaria de conhecer alguém que tenha o pinto pequeno também

    ResponderExcluir
  25. Tenho 54 anos de idade 1,69 altura 64kg, sou hetero mas sinto atração por garotos novinhos nunca dei meu cuzinho

    ResponderExcluir

Participe do Blog do Xarope e deixe seus comentários, críticas e sugestões.